on
May 20, 2009


Hoje fui a um workshop (mais uma série de conferências do que realmente um workshop) sobre ciência e arte na FCUL. Como não consigo estar muito tempo a ouvir sem rabiscar mostro aqui alguns dos desenhos que fiz das pessoas que estavam presentes.
Não penso tanto na composição nestas alturas nem em perfeccionismos, algo que faz com que o diário gráfico seja também alvo de inúmeras experiências.
Em baixo é já um detalhe de um esboço feito por fotografia, ao contrário dos desenhos em cima que foram com modelos, dá para ver que foi mais pensado apesar da fluidez que tento transmitir neste tipo de desenho.

Já agora, um aspecto engraçado dito pela minha antiga professora de anatomia numa das conferências a que assisti. 80 e tal por cento da população portuguesa tem a medida clássica entre o final do nariz e o fim do queixo maior do que o cânone clássico, utilizado regularmente para aprendizagem de desenho do rosto.
O rosto mediterrânico atinge as proporções clássicas (essa medida = medida do fim do nariz às sobrancelhas = sobrancelhas à raiz do cabelo) por volta dos 8, 10 anos de idade quando a dentição ainda não está completa.
O próprio ângulo do nariz, que é suposto pelo cânone ser o mesmo que o do princípio da orelha (definido com 20 graus nas proporções clássicas), é na população mediterrânica predominantemente de 30 e poucos graus. Pelos vistos atinge os 20 graus na população grega, o que explica o cânone!

TAGS
RELATED POSTS
Catarina Garcia
Lisbon, Portugal

Hi my name is Catarina Garcia and I'm an artist and illustrator from Lisbon, Portugal. Feel free to comment and browse!

    Shop
    Subscribe to Blog via Email

    Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

    Steemit Blog (Please Upvote my posts!)
    Archives
    %d bloggers like this: